Achados e Perdidos


18.10.2020

Hoje temos mais uma história incrível de amizade e de mais um emocionante reencontro! Lembra do cachorrinho que foi resgatado perambulando sozinho pelas ruas, com dificuldade de andar, arrastando as patas traseiras? Pois é… Na verdade ele havia fugido de casa e estava perdido! Fizemos o resgate, cuidamos e acolhemos dentro do nosso abrigo. Conosco […] Leia mais →




20.03.2018

O ‘Identpet’ pode auxiliar na busca em caso de perda ou fuga do animal, além de definir a guarda em processos judiciais. É muito importante que o animal de estimação, mesmo com o registro ou microchipado, use constantemente uma coleira com uma placa de identificação (com o nome do animal e os telefones do guardião).


05.05.2017

A plaquinha ajuda na identificação do dono do animal A ONG Apelo Canino em parceria com a empresa Cuidado Animal, anunciou que dará início neste sábado (6) a uma campanha ostensiva de identificação dos animais e prevenção à Leishmaniose em Montes Claros. A idealizadora da campanha, a protetora Cecília Meireles, conta que a ideia nasceu […] Leia mais →



Cãominhada pelas ruas da cidade

04.02.2017

Mais de mil cachorros devem circular pelas ruas de Montes Claros neste domingo (05), na sétima edição do “Cãominhada”. O evento acontece na Praça Flamarion Wanderley, no bairro São José, a partir das 8h, local de partida, e chegada ao Parque de Exposições João Alencar Athayde. A ação tem o objetivo de conscientizar a população […] Leia mais →


25.11.2016

Você sabia que um gato que frequenta a rua pode percorrer até 830m por dia? Que ele pode considerar seu território um raio de até 8 km2? Tudo isso significa que os felinos que passeiam pelas ruas não consideram seu lar apenas o local que comem e dormem. Podem, portanto, passear pelos bairros como se […] Leia mais →


Montes Claros intensifica ações de enfrentamento à Leishmaniose

17.08.2015

“Embora estejamos numa situação de controle da Leishmaniose no Norte de Minas precisamos manter e intensificar as ações numa ação sintonizada entre Estado e municípios. Precisamos ter um manejo ambiental adequado para evitar a proliferação do mosquito transmissor da doença, bem como na implementação de ações de educação em saúde para que a população esteja permanentemente ciente das formas de transmissão da doença”, explica João Rezende.